Sunday, September 02, 2018

AUSTRALIA - FASE 2,5 - NEM AUSSIE , NEM HERMANA

Olá, pessoal! Este post demorou muito para sair porque eu fiquei muito, muito doente mesmo, nestas ultimas 2 semanas. Muita febre, de cama, dores no corpo. Péssimo! Mas já estou de volta ao normal!

No meu último post....

"Como eu ia fazer se eles ( gatinhos ) iriam voar no dia em que eu tinha de deixar o apartamento ( 09 de Outubro ) e eu nem tinha voo para mim ainda?"



Preciso reforçar que o Universo reflete o que emanamos. A Paula, proprietária do apê de Buenos Aires no AirBnb, acompanhou toda a história de perto e me disse que não tinha nenhum hóspede para o apê até o dia 10 de Outubro `a noite. Ela, muito gentilmente, ofereceu para que eu ficasse mais um dia, sem precisar pagar nada, para que gatinhos não sofressem nenhum estresse de ter que ir para uma clínica veterinária ou outro apê desnecessariamente.
Até hoje não tenho como agradecer tanta empatia e carinho comigo e com os meus bebês.💗💖💗

Neste ponto me vi em mais uma encruzilhada, precisando tomar mais uma decisão estratégica. Decidi alugar  um loftzinho ( outro ) só pra mim por mais 5 dias. Sem os gatinhos é MUITO MAIS FÁCIL. Reservei um vôo para mim para o dia 14 de Outubro de 2017 para acomodar esta minha necessidade de ficar por mais 5 dias.

Por que eu fiz isso?

Porque meu coração dizia que eu deveria estar disponível 24x7 para acompanhar toda a viagem dos gatinhos até a quarentena em Melbourne. Eu queria estar disponível caso alguém precisasse de mim, precisasse falar comigo no telefone, precisasse que eu tomasse alguma decisão ou precisasse de orientação minha. Sei lá quem: a cia aera, hoteizinhos, quarentena.... qualquer um.


DESPEDIDA DE GATINHOS

Domingo, dia 08 de Outubro de 2017, Daniel Otano, da Clinitravel, clínica veerinária que estava me acompanhando na Argentina, foi lá no meu apê me ajudar a preparar o transporte de gatinhos.
Garrafas de hamster para água, rações especiais coladas em cima das caixas, etiquetas, documentações, certificações, atestados, liberações ( Brasil, Argentina e Australia ) e identificações de cada um. Também repeti o processo de colocar uma dupla camada de tapetinhos higiênicos e seus cobertorizinhos de fleece verde quentinhos. 

Acordei no dia 09 de Outubro com o coração mais espremido do universo. Passamos a noite quentinhos, juntinhos e eu conversei muito com eles. Expliquei que todos estávamos viajando para uma vida nova e que aquele desconforto da viagem era temporário e que nos veríamos em alguns dias.

No video abaixo vocês podem acompanhar como foi.



Com tudo pronto, hora de levá-los  para baixo para pegar o carro de transporte para o Aeroporto Internacional.

Ultima selfie no elevador do apê da Nicarágua 😟


Enquanto Daniel foi pegar o carro, eu fiz uma mesa redonda com eles para uma oração para o Universo nos proteger, nos dar força e paz para este momento tão dificil.



E eles se foram....



 Logo após a partida dos meus amados bebês, comecei a organizar minha mudança para o outro apê temporário. O novo apê ficava na rua Fitz Roy, bem pertinho de onde eu estava antes ( rua Nicarágua ) porque eu queria poder me mudar a pé, apen as carregando minhas malas de rodinhas para lá e para cá.

Bem pertinho...

Separei varias roupas para doar e percebi que é libertador, ao mesmo tempo que assustador, perceber que 37 anos de sua vida cabem  em 3 malas despacháveis, 1 bagagem carry-on e uma travesseiro que, na verdade, é o iglu de um de seus bebês.

Me despedi da Paula e sua mãe, que também foi me visitar.

Presentes da vida! 🙏

DE QUANDO FIQUEI MAIS DE 36 HORAS SEM DORMIR


Já no novo apertamento, fiquei acompanhando o Itinerário de gatinhos que era.


BUENOS AIRES : 09/10 - 20:55
HOUSTON: 10/10 - 05:55







Parada no PET PARADISE HOTEL para descanso, andar um poquinho fora da caixa, banheirinho extra, etc.. Era para conforto e tambem me dar notícias.










Até aqui, tudo bem. Acordei no dia seguinte, sempre recebendo notícias e fotos. PÉSSIMAS! MAs recebia.

Foto enviada pelos responsáveis pelo transporte de gatinhos de quando chegaram em Houston. - Texas - Estados Unidos.


A próxima perna da viagem era


HOUSTON : 11/10 - 12:37
LOS ANGELES : 11/10 - 14:15




Parada no KENNEL CLUB para descanso, andar um poquinho fora da caixa, banheirinho extra, etc.. Era para conforto e tambem me dar notícias. 














Aqui ja dei aquela chamada de atenção basica para limpar os olhinhos, mas por outro lado dá para ver pelas fotos que o Conan está "amassando pãozinho"  e a Flautinha tá curiosa para comer pastinha, Madhu tá nem aí como sempre e o Yoshi meio desconfiado, etc..

Eu realmente acho o serviço de fotos deles PÉSSIMO!


E a ultima perna era


LOS ANGELES: 11/10 - 22:30
MELBOURNE: 13/10 - 08:25 
( lembrando que a Australia esta entre 13 e 14 horas `a frente do Brasil/Argentina )




Aqui eu fiquei mal o dia inteiro e tive enormes dificuldades para dormir. Tava super agitada. Era um vôo longo, 16 horas de avião. A caixinha de gatinhos tinha espaço mais do que suficiente para eles ficarem de pé, andar, dar uma volta de 360 graus se quisessem, tinham água, cobertinhas, mas EU não estava bem.

Por volta da 1:00 da manha Argentina, meu celular toca. Número da Austrália. Coração gelou na hora.







A quarentena de Melbourne me disse que a Flauta chegou péssima, completamente desidratada e que precisava de atendimento veterinário urgente. Mas eles não fariam isso sem minha autorização, porque, obviamente, os custos seriam meus e aí, se eu achasse que não valia a pena....

Interrompi a mulher na mesma hora e eu disse que era para dar o atendimento IMEDIATAMENTE!!!
Acontece que, para o que ela necessitava, não tinha equipamento veterinrio no local ( fiquei puta ) e ela precisaria ser deslocada para a Universidade de Melbourne, a única no país que mantinha os mesmos padrões de segurança e isolamento da quarentena.

Report enviado pela quarentena de Melbourne para mim


Falei algo do gênero: "Moça, pelo amor de Deus, faz o que precisa ser feito, qualquer coisa, mas faça AGORA. Ela tem 15 anos!! " 

Essa titica dessa universidade ficava a 40 minutos de carro da quarentena e eu nunca mais dormi depois disso.  

Daqui em diante eu precisava falar com a quarentena e com a Hospital Universitário de Melbourne a cada 4 horas.  Fora os emails trocados em paralelo.




Dias e horas se passando.

Me lembro de ficar impressionada comigo mesma porque nao conseguia imaginar como é que todos os termos médicos saíam da minha boca em Inglês sem que eu nunca tivesse estudado oficialmente sobre eles. Hemograma, leucócitos, uréia e creatinina com taxas consideradas normais para a Flautinha ( paciente geriátrica e renal crônica ). 
Daí me lembrei de onde eu sabia:  OBRIGADA, 8 TEMPORADAS DE HOUSE!🙏



"Everybody Lies" 

Este foi o ultimo email que mandei para a quarentena antes de embarcar para a Australia. 


Ja era 14 de Outrubro e meu voo partia em 9 horas.


O que eu não conversei com ela é que o Hospital Universitário de Melbourne encontrou um câncer na Flauta: LOW GRADE INTESTINAL LYMPHOMA WITH SPREAD TO ABDOMINAL LYMPH AND LIVER. 💔😭

Assim que ela e gatinhos voltassem para mim, ela teria que iniciar o tratamento.
Felizmente, na Australia, este tratamento poderia ser feito com comprimidos ao invés de injeções de quimioterapia. 

E , diferente da quarentena, o Hospital Veterinário pode mandar fotos e vídeos e estas foram as ultimas imagens que vi da minha pequena guerreira antes de subir no avião.

Minha guerreirinha linda

E aqui, ela comendo vorazmente como sempre!



Meu voo saía de Buenos Aires DIRETO para Auckland, na Nova Zelândia. 

EZE AIRPORT


Chegando, Auckland.

De lá, eu iria para Brisbane direto, ver Marido após 5 longos e turbulentos meses.





OBS Quando sua intuição falar alto, escute. Eu não poderia ter ddo a assitência que eu dei para gatinhos se tivesse ficado estes dias a mais para estar disponível.

Até o próximo!



Gostou deste artigo? Então clique no botão ao lado para curti-lo e Twitta-lo!!

No comments:

Post a Comment

Olá! Seja bem-vindo(a)!
Quer comentar o que vc achou? Vou adorar saber!

/* ADSENSE CODE